Diretor-presidente da Fapeal assume vice-presidência do Conselho Nacional das Faps

A presidência do Confap passa ao Professor Evaldo Vilela, da Fapemig; Fábio Guedes é o seu vice para o biênio 2018-2019.

Fábio Guedes, Zaira Turchi, Evaldo Vilela

O Conselho Nacional das Fundações Estaduais de Amparo à Pesquisa (Confap) concluiu nesta sexta (15) a primeira edição do ano de seu Fórum Nacional, realizado na sede do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), em Brasília (DF).

Na ocasião, a entidade, que reúne as 26 Fundações de Amparo à Pesquisa (FAPs) dos estados brasileiros e do Distrito Federal, além de parceiros nacionais e internacionais, escolheu sua nova diretoria, para o biênio de 2019-2020.

O novo presidente do Confap é o professor Evaldo Vilela, agrônomo com PhDs no Japão, Alemanha e Estados Unidos, que desde 2014 está à frente da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais (Fapemig). A vice-presidência do Conselho passa ao professor Fábio Guedes, da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Alagoas (Fapeal).

O Confap é uma associação estratégica na articulação estadual do Sistema de Nacional de Ciência, Tecnologia e Inovação e participa ativamente das discussões orçamentárias das agências federais ligadas ao Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovação e Comunicações (CNPq e Finep, a Financiadora de Inovação e Pesquisa) e do Ministério da Edução (Capes, a Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior).

“Dialogando, cooperando e ousando como a ciência nos ensina, vamos formar uma parceria muito boa e tentaremos servir, à altura, os interesses das Fundações Estaduais e do sistema de C,T&I brasileiro”,  afirma o professor  Fábio Guedes. O economista e doutor em administração pública está à frente da Fapeal desde 2015.

O vice-presidente eleito do Confap acrescentou, ainda, que pode trazer também uma boa experiência da articulação das Fundações que compõem a regional Nordeste e que pode servir de exemplo para novas ações integradas entre as FAPs de todo o País. “Trabalhamos de forma muito articulada e nessa perspectiva podemos contribuir ainda mais”, avaliou.

Guedes também agradeceu especialmente aos professores Zaira Turchi (Fapeg, Goiás) e Cláudio Furtado (Fapesq, Paraíba), ex-presidente e vice, mencionando “apoio e excelente gestão” do Confap, durante o biênio 2017-2018.

Recomendados para você...