Governo de Alagoas viabiliza multiplicadores para implantação de visitas familiares no cuidado à primeira infância

Seades e Fapeal assinam convênio para projeto que será executado em 82 municípios

A Secretaria de Estado da Assistência e Desenvolvimento Social (Seades) e a Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Alagoas (Fapeal) firmaram termo de convênio para projeto da Seades, voltado à primeira infância.O objetivo é implantar localmente a metodologia Care for Child Development (CCD), ou seja, Cuidado para o Desenvolvimento Infantil. Visitadores familiares serão capacitados e irão atuar com visitas domiciliares a famílias beneficiadas pelo Programa Criança Feliz e que tenham crianças de zero a três anos, em 82 municípios alagoanos.

O recurso foi captado pela Seades, por meio do Fundo Nacional de Assistência Social (FNAS), e será repassado à Fapeal, para a concessão e gerenciamento de bolsas para atuação no projeto.

Rodrigo Araújo, superintendente de Avaliação e Gestão da Informação na Seades, explica que o projeto já começa com uma perspectiva analítica. O impacto do próprio programa nas famílias será avaliado e os dados também vão servir de base para pesquisa.

O diretor-presidente da Fapeal, professor Fábio Guedes, aponta que a parceria vai viabilizar um aperfeiçoamento dos quadros técnicos e, desta forma, a política pública pode ser melhor executada.

 

Recomendados para você...