Fapeal aproxima site institucional do público

Programa de monitoramento comprovou 225% de aumento em visualizações de página no novo site

Os órgãos do Governo de Alagoas vêm efetuando um trabalho de engajamento substancial com material tecnológico, redes sociais e serviços aplicados. Evidências desses avanços têm sido sistematicamente observadas, desde agosto, pela Gerência de Tecnologia da Informação da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Alagoas (Fapeal), através de ferramentas de monitoramento utilizadas para avaliar os acessos ao seu site oficial.

Os relatórios implementados visam facilitar a compreensão e analisar o engajamento do público com a nova versão do site, lançada em junho, durante o Caiite. As análises são realizadas a partir dos dados fornecidos pelo Google Analytics, um sistema de monitoramento de tráfego gratuito e que pode ser instalado em qualquer plataforma virtual. O diferencial é que, através deste recurso, foi mensurado um aumento significativo nos índices de busca ao novo site, e as categorias de análise vão além disso.

Graças a estas observações, pode-se afirmar estatisticamente que o número de acessos à página quase dobrou, consequência de um trabalho mais efetivo nas redes sociais e na veiculação de informações. Concomitante a isto, foi constatado que, pelo período de dois meses seguidos, a Fapeal manteve os percentuais aproximados de 40% para novos usuários, e 60% de retorno de usuários anteriores.

O número total de usuários cresceu 82%, sendo que as visualizações de página do site, em setembro, apresentaram um aumento de cerca de 225% em relação ao mês anterior, alavancadas pelo lançamento de editais.

Os indicadores também revelaram que, com a procura, a permanência média do usuário em cada sessão no site aumentou em mais duas páginas, em relação a agosto, alcançando a estatística de quase cinco páginas por sessão. Esta relação acompanha os níveis de crescimento e significa que os internautas estão buscando informações a partir do maior número de links que passaram a ser oferecidos pelo veículo digital da instituição.

Os recursos do programa de analytics ainda possibilitam avaliar uma série categórica de especificações como: as páginas mais acessadas, os picos de busca, a duração média por sessão, a faixa etária dos usuários, os canais de origem, o tempo de permanência média, entre outros itens.

Essas avaliações terão a periodicidade mensal na Fapeal e constituem mais um serviço para contribuir para o relacionamento entre órgão e pesquisador. A fundação prima pela opinião de seus clientes e o ensejo de aprimorar o trabalho, criando um canal direto destinado a ouvir sugestões, melhorias e as lacunas que necessitam ser preenchidas.

Diferenciais

Desde junho, o veículo tornou-se acessível à comunidade surda, com tradução para Língua Brasileira de Sinais (Libras), através do HandTalk, aplicativo apoiado pela fundação, com recursos do Programa Tecnova e foi aberta uma Biblioteca Digital de Teses e Dissertações (BDTD Fapeal), para democratizar o acesso à material científico produzido através de bolsas e auxílios da fundação. Em agosto, a sessão de agenda do site foi aberta para divulgação de eventos científicos em Alagoas.

A reformulação começou a ser planejada a partir de uma pesquisa online, enviada por e-mail a 700 clientes da Fapeal, durante o primeiro trimestre de 2015, onde eles puderam apontar suas principais demandas em relação ao veículo institucional.

You may also like...

1 resposta

  1. V Enccult foi enviado material de divulgação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *