Software apoiado pela Fapeal ganha prêmio internacional pela segunda vez

Projeto auxilia na tomada de decisões médicas e recebeu apoio do Governo do Estado em edital específico para inovação

João Marcelo Lyra. Cortesia

Um projeto de inovação apoiado pela Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Alagoas (Fapeal), que converte tecnologia em soluções oftalmológicas foi, pela segunda vez, o vencedor de um festival internacional, na categoria filme científico.

O ASCRS Film Festival é o mais reconhecido mundialmente para avaliar os trabalhos internacionais na oftalmologia, que se propõem a dar respostas inovadoras de conforto e avanço técnico nos tratamentos. A equipe BraIn (Brazilian Study Group of Corneal Analysis and Artificial Intelligence) – Centro de Pesquisa de Inteligência Artificial em Oftalmologia, foi a vencedora na categoria ‘Inovações em Cirurgia Refrativa’.

O projeto, que foi aprovado no edital Tecnova (Fapeal e Finep, agência do Governo Federal) é coordenado pelo oftalmologista João Marcelo Lyra. O grupo de pesquisa produziu um curta de 8 minutos intitulado ‘Integração de Dados: Chave para Melhorar o Processo de Decisão na Triagem da Cirurgia Refrativa’, mostrando a viabilidade de cirurgias refrativas para a correção ocular, que ganhou o prêmio em cerimônia realizada no dia 8 de maio, em Los Angeles.

Foram selecionados trabalhos de todo o mundo, em uma pré-seleção de resumos. Porém, o tema dos vídeos deveriam se pautar sempre em técnicas inovadoras. A pesquisa trabalhou de forma multi e interdisciplinar para a construção de um software de apoio à decisão médica, que auxilia apontando a efetividade das cirurgias.

“A partir de exames e obtido o grau do paciente, o software verifica a viabilidade da cirurgia, analisando se o grau pode retornar posteriormente ou se há possibilidade de complicações”, explica João Marcelo Lyra.

O especialista enfatiza que este projeto assume um caráter empreendedor, pois transforma o conteúdo científico em soluções práticas. O médico alega que o apoio a estudos, mesmo que menor em relação à competitividade internacional, são relevantes, porque ajudam a proporcionar uma inserção maior dos grupos nestes rankings: “Este incentivo do Tecnova é importante, porque o Governo deve investir nesta interação, de produtos acadêmicos viáveis”, declara.

Este simboliza o segundo reconhecimento da equipe que, já ganhou um prêmio com o mesmo vídeo em um congresso internacional, em 2016.

O apoio

 O edital Tecnova Alagoas concedeu subvenção econômica para empresas prospectarem métodos inovadores aliados ao empreendedorismo. Nesta chamada, foram selecionadas 13 micro e pequenas empresas, para a estruturação de um projeto com a duração de dois anos.

 A assessora científica de Projetos Especiais e Inovação, responsável pela chamada, Juliana Khalili, explica que o reconhecimento da empresa de Microcirurgia Ocular é fundamental para que a sociedade perceba a importância da pesquisa apoiada pela Fapeal, e que estes frutos podem ser revertidos em benefícios para todos.

 “Isto torna cada vez mais claro que núcleos de PD&I (Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação) precisam se fortalecer, o que só é possível com o envolvimento das empresas, das universidades e do Governo. A Fapeal tem feito sua parte, trilhando um caminho que busca o desenvolvimento do Estado, fortalecendo o avanço da ciência e da inovação, mas com um olhar sobre as demandas da sociedade”, complementa a

assessora.

 O Tecnova repercutiu em saldos positivos para Alagoas, na geração de admissões diretas, com a produção de renda efetiva, impostos, e arrecadação estadual. O reconhecimento foi extenso, incluindo outros êxitos: a Apícola Fernão Velho e a Plus Agência Digital foram vencedoras do Prêmio de Competitividade para Micro e Pequenas Empresas – MPE Brasil, nas etapas nacional e estadual, respectivamente. A Plus participa ainda neste ano como finalista no Prêmio Nacional de Inovação, do Programa Mobilização Empresarial da Inovação (MEI).

 O aplicativo Hand Talk, também apoiado pela Fapeal, por meio do Tecnova, ganhou a certificação da ONU como Melhor Aplicativo Social do Mundo, e a Innovate conquistou o V Prêmio do Congresso Brasileiro de Informática e Educação (CBIE), na categoria Apps Edu.

 A intenção é captar mais recursos federais para abrir o escopo da Fapeal a novos editais, que transportem o conhecimento acadêmico para área empreendedora alagoana.

 

Recomendados para você...